Mestrado à Distância

28 Mar 2019 14:20
Tags

Back to list of posts

<h1>Pais Depois Dos cinquenta Anos, Maternidade Tardia, Insemina&ccedil;&atilde;o Artificial, Ado&ccedil;&atilde;o</h1>

<p>A instabilidade e a estagna&ccedil;&atilde;o econ&ocirc;mica atingem assim como um grupo de brasileiros com o mais grande n&iacute;vel de cria&ccedil;&atilde;o acad&ecirc;mica. Os dados demonstram que, em 1998, o Brasil tinha 1,dois 1000 cursos de p&oacute;s-gradua&ccedil;&atilde;o, durante o tempo que em 2015 (dado mais recente) chegou a 3,9 1 mil. A expans&atilde;o gerou frutos. O total de estudantes pela p&oacute;s-gradua&ccedil;&atilde;o passou de 92 mil para 325 1 mil, por ano, no mesmo per&iacute;odo. Entre mestres e doutores, foram mais de sessenta e dois mil formandos em 2015, um recorde quando comparado com o patamar registrado em 1998 (4,nove 1000).</p>

<p>A maior quantidade dos que exercem doutorado almeja ter, nas universidades, seu principal emprego. Pra esse grupo, a situa&ccedil;&atilde;o est&aacute; bem mais complicado. Aumentou o n&uacute;mero de mestres e Melhores Mestrados E Doutorados Do Brasil , no entanto houve uma desacelera&ccedil;&atilde;o dos concursos p&uacute;blicos. Isto &eacute;, h&aacute; uma busca por A Exist&ecirc;ncia Al&eacute;m Da Gradua&ccedil;&atilde;o - observa Octavio Penna Pieranti, doutor em administra&ccedil;&atilde;o e pesquisador de p&oacute;s-doutorado em intercomunica&ccedil;&atilde;o na Escola de Bras&iacute;lia (UNB). As perguntas sobre o futuro dos novos doutores e mestres t&ecirc;m gerado ansiedade em f&oacute;runs nos quais participam professores e pesquisadores no Brasil.</p>

<ul>

<li>Dezenove Stockholm School of Economics Master in Finance Su&eacute;cia</li>

<li>6 Superior Otto</li>

<li>14 Lembrete: compartilhe seus coment&aacute;rios nessa busca da Wikimedia</li>

<li>BRAND&Atilde;O, Junito de Souza. S&Iacute;lvia Lane And The Project For A Socially Committed Psychology , Petr&oacute;polis, Vozes, 1989</li>

</ul>

<p>Pieranti promoveu recentemente um debate online com outros professores a respeito do conte&uacute;do. Ainda n&atilde;o est&aacute; claro qual ser&aacute; o destino desta pol&iacute;tica de massifica&ccedil;&atilde;o do ensino superior no decorrer da pr&oacute;xima d&eacute;cada. Se ela n&atilde;o tiver sequ&ecirc;ncia, acredito que haver&aacute; mais doutores que n&atilde;o ter&atilde;o pela institui&ccedil;&atilde;o tua principal ocupa&ccedil;&atilde;o profissional - anuncia Pieranti, que &eacute; assim como colaborador da Revista Constru&ccedil;&atilde;o. Al&eacute;m da &quot;fuga de c&eacute;rebros&quot;, que prontamente estamos assistindo, diversos p&oacute;s-graduandos, de em t&atilde;o alto grau aguardarem uma vaga pra trabalhar pela &aacute;rea em que se formaram, acabam aceitando outro trabalho.</p>

CURSO-DE-GLOBOFLEXIA-Y-DECORACION.jpg

<p>Quer dizer, eles e a na&ccedil;&atilde;o investiram tempo e dinheiro em uma cria&ccedil;&atilde;o, todavia isto n&atilde;o ser&aacute; empregado pra auxiliar no desenvolvimento do Brasil visto que ir&atilde;o trabalhar em &aacute;reas diferentes daquelas que eles se formaram. Isto &eacute; muito ruim. Geraldo Nunes Sobrinho, diretor do Programa de Bolsas e presidente substituto da Capes, reconhece que h&aacute; um est&aacute;gio de mudan&ccedil;a de ritmo pela contrata&ccedil;&atilde;o de novos doutores nas &aacute;reas de ensino e procura, por&eacute;m acredita que ela &eacute; tempor&aacute;ria.</p>

<h1>O Brasil necessita de mais doutores, de mais procura.</h1>
<p>O instante &eacute; dificultoso. Os concursos est&atilde;o parados, contudo isso n&atilde;o pode ser porqu&ecirc; para pararmos o plano de expans&atilde;o da p&oacute;s-gradua&ccedil;&atilde;o no na&ccedil;&atilde;o. Se fizermos isto, ser&aacute; um tiro no p&eacute;. O Brasil necessita de mais doutores, de mais procura. Somos um dos pa&iacute;ses com a menor liga&ccedil;&atilde;o entre n&uacute;mero de doutores por 100 mil habitantes e sabemos a importancia de mantermos o plano de expans&atilde;o.</p>

<p>N&atilde;o temos esse fen&ocirc;meno. Pode existir um caso ou outro, mas n&atilde;o temos indica&ccedil;&atilde;o de que esteja ocorrendo isto em massa. O que temos hoje, na verdade, &eacute; o que se chama de 'circula&ccedil;&atilde;o de c&eacute;rebros', isto &eacute;, de doutores e pesquisadores que v&atilde;o para outros pa&iacute;ses entender mais e depois retornam com o conhecimento adquirido. Isso &eacute; essencial que acontece - diz Sobrinho. A Plataforma Lattes, que armazena os curr&iacute;culos dos estudantes e pesquisadores brasileiros, registra 173 1000 doutores formados nas mais numerosas &aacute;reas no na&ccedil;&atilde;o. Pelo Lattes, os doutores empregados e que mant&eacute;m curr&iacute;culo pela plataforma somam 163 1 mil, ou melhor, por volta de 94% da apoio cadastrada no Lattes.</p>

<p>Pelo estudo, por volta de 75% dos profissionais com doutorado estavam empregados em 2014. O levantamento chama a aten&ccedil;&atilde;o pro epis&oacute;dio de um quarto dos doutores n&atilde;o estar registrada na base do Minist&eacute;rio do Servi&ccedil;o. O levantamento alerta pra indispensabilidade de realiza&ccedil;&atilde;o de concursos para abrigar os novos doutores. Pelos fatos da Capes, o Brasil encerrou 2015 com oitenta e sete 1 mil doutores vinculados a alguma faculdade p&uacute;blica ou privada. Em valores absolutos, o desenvolvimento foi abundante. Em 2005, eram cerca de quarenta e tr&ecirc;s mil doutores.</p>

Comments: 0

Add a New Comment

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License